Vazio

|

Você alguma vez já teve a sensação de que um vazio vem sorrateiro e sem nenhum aviso prévio toma conta de todo o seu corpo e preenche a sua alma? Algumas vezes, na verdade até muitas, não temos idéia de onde ele vem. Talvez seja saudade de algum tempo onde tudo era mais fácil ou de alguém que talvez até não esteja longe em distância física, mas que já não está tão próximo de você. Talvez também seja uma saudade de algo que nunca existiu apesar do seu desejo mudo e duradouro. Talvez seja também uma daquelas sensações de abandono que são incompreenssíveis, tendo em vista que quase sempre que ela vem estamos cercados de pessoas. Talvez não seja nada disso também, talvez seja só um banho de realidade inesperado ou o cansaço de nosso espírito em manter a felicidade. Talvez simplesmente não tenha motivo. Talvez eu não saiba bem o que escrever hoje. Talvez eu nunca soubesse realmente.


6 pessoas também deram sua opinião:

Pitchulinha disse...

é verdade eu sinto isso as vezes também e nunca sei o qq é :/
mas com o tempo passa :D

te amo lih!!!!

Serrao disse...

Uau Lih, ultimamente eu acho que vc anda muito profunda, mas eu tambem sei o que era sentir isso, mas atualmente, a sensação de vazio foi trocada por uma de preenchimento, me sinto completo graças a uma pessoa, a um sentimento, e nunca sei, as vezes eh ruim e as vezes eh bom, cabe ao coração decidir

Juh S. disse...

Todos esses ''talvez'' são ótimos, e cabem assim também em minha cabeça.
sabe, existe um período em que parece que todos vem juntos, ou a maioria. nao sei se sinto isso agora.
mais se chama tpm. hahaahah

entao, lih. voce precisa falar comig sobre 'eu to mais ou menos hoje' (eu sei q vc nao vai lembrar do q é isso)

bjsss
amoo

Lu Andrade disse...

Oi... lindo e semelhante isto: "Talvez seja também uma daquelas sensações de abandono que são incompreensíveis, tendo em vista que quase sempre que ela vem estamos cercados de pessoas". Sempre sozinha na multidão fria... Gostei de suas definições, opiniões. Principalmente a final. "Hipotetizando" tudo. Beijo e saudações fascinadas. Até!

@tai_ramos disse...

Penso que as vezes desconhecer a causa desses vazios é bom. Se a gente soubesse, curaria e não aprenderia a viver em tempos de vazios ainda maiores, feridas mais profundas. Cada sensação trás algo novo pra se aprender. Beijo moça, obrigada por visitar o Utopus! :)

Maldito disse...

Sinto isso o tempo todo!